Explorando Bruxelas em 1 dia

By 12 de Janeiro de 2018Tópicos recentes

Tenho que admitir que a capital belga superou nossas expectativas. Não sei por que tínhamos a ideia equivocada de que Bruxelas seria uma cidade sem graça, cheia de edifícios e mais nada, mas é totalmente o contrário. Encontramos uma cidade bonita e encantadora, na época natalina fica ainda mais interessante com uma atmosfera gostosa que vai te fazer apaixonar ainda mais pela cidade.

    

  • Grand Place

O ponto central de Bruxelas é a Grand-Place , uma praça majestosa  que contém a Câmara Municipal e Guild Halls (além de inúmeros restaurantes, pubs e lojas de chocolate) e também é Patrimônio Mundial da UNESCO. Ela data do século XV, mas na realidade durante a guerra de 1695 foi totalmente destruída e teve que ser refeita. Na Grand-Place podemos observar os estilos gótico, barroco, neoclássico e neogótico, contemplando os edifícios.

    

De dia ou à noite, os edifícios são absolutamente lindos, no entanto, quando a noite chega é que o lugar se transforma. Diversas vezes durante a noite (dependendo da época do ano), o lugar vira palco de um verdadeiro show de luzes dançantes e muita música. O show de luzes acontece todas as noites, de hora em hora durante a semana, e a cada meia hora no fim de semana.

 

Durante o Natal, o show da Grand Place costuma receber milhares de turistas e apresenta uma programação especial, com músicas natalinas e diferentes espetáculos, ha também uma árvore de Natal de 20 metros de altura no centro da praça.

      

Sugestão:  Como se não pudesse ficar mais bonita, a cada dois anos (em anos pares), durante 4 dias do mês de agosto, eles colocam um tapete de flores coloridas no centro da praça, parece INCRÍVEL. Definitivamente vale a pena cronometrar sua viagem de acordo para vê-lo!

Perto da Grand-Place estão as sofisticadas Galerias Saint-Hubert , cheias de lojas de chocolate.

Se você é apaixonado por desenhos de quadrinhos ou não, é interessante fazer a rota dos quadrinhos , que é composto por 50 murais distribuídos em toda a cidade, podemos encontrar Tintin, Smurfs, Lucky Luke ou Astérix.

  • Frites, Chocolates, Waffles e Beers

Atenção! Não tente ir para a Bélgica durante uma dieta. 😋

 cheiro  de batatas fritas e waffles está por todos os lados, impossível resistir a essa tentação!

Uma das comidas mais típicas da Bélgica é o chips (batata frita), o sabor das batatas fritas de lá é completamente diferente das que estamos acostumados. Qual é o segredo? A batata frita belga é fritada duas vezes em duas temperaturas diferentes, e geralmente é acompanhada por diferentes molhos.

Havia muitos lugares vendendo batatas fritas, mas caminhando em volta da Grand Place, avistei uma fila numa loja de comida pequena e corri pra lá. Agora eu tenho uma regra de ouro quando estou em um lugar que eu não conheço, “se houver uma fila de gente à espera de comida, é porque o lugar é bom mesmo”. O lugar era o Fritland. ( também comemos nele em Bruges).

Eu pedi batatas fritas simples com um molho especial da casa ao lado. E se você gosta de especiarias, eu recomendo o molho picante do Fritland, é muito bom mesmo!

Antes de ir para o hotel, passamos na cafeteria Mokafé para mais um waffle com molho de chocolate belga e creme. Uma dica que descobri lá: Os waffles tradicionais autênticos só têm açúcar de glicose. Hummm, deu água na boca só de lembrar!

Se você ama chocolate, a Bélgica é o paraíso na terra. Há lojas de chocolate em todos os cantos e a melhor coisa é que eles os vendem por peso (100 gramas), o que geralmente é de cerca de 7-8 chocolates, custa 5-6 euros.

 

Para os fãs de cerveja , a Flandres é um lugar de peregrinação. Existem inúmeros tipos de cerveja, e cada cidade tem a sua própria cerveja. Por exemplo, em Ghent você tem as cervejas Kwak e Max, em Bruges a cerveja Brugse Zot e, além disso, você pode visitar a cervejaria De Halve Maan, que é a última fábrica de artesanato da cidade. Em Antuérpia, a cerveja é a Palma, e em Bruxelas, as cervejas típicas são o Gueuze, o Kriek e o Lambic, e você também pode visitar a fábrica de Cantillon.

 

  • Manneken Pis  – Este pequeno menino fazendo xixi é a estátua mais famosa de Bruxelas. Não uma estatua grande, mas realmente é imperdível!

  • Atomium – É um dos monumentos mais conhecidos de Bruxelas. Embora não acho que vale a pena pagar para entrar (porque a fila é gigantesca e caro), por fora já da pra ter uma uma ideia do quanto a arquitetura é impressionante! É tipo um átomo gigante construído em aço, ele fica um pouco fora de Bruxelas! No dia que visitamos o Atomium aconteceu uma coisa muito chata, chegamos lá de manhã e tinha poucos turistas, mas infelizmente por uma distração nossa tive minha bolsa roubada com nossos passaportes, carteira com dinheiro e cartões, bateria extra da camera, cartão de memoria cheio de fotos , um carregador portátil de telefone e algumas coisas mais. Não sei dizer como aconteceu, porque so fui dar falta da bolsa 1 hora mais tarde quando estávamos a caminho para Dinant, assim que percebi voltamos pra trás pra fazer queixa na polícia. A polícia nos deu um documento comprovando o roubo para apresentarmos na imigração de volta pra casa ( é sempre importante ter uma foto do passaporte guardada de preferencia no seu e-mail) Na volta pra casa quando passamos pela imigração, apresentamos o documento e o policial pediu outro documento com foto, como não tínhamos nada com a gente, a foto que tínhamos guardada ajudou. Espero que nunca aconteça com vocês, mas se acontecer é bom ter!

Leia também sobre:

Outros pontos turísticos para visitar na Bélgica são:

Assista o video completo da viagem pela Bélgica!

Mirelle Tome

Author Mirelle Tome

More posts by Mirelle Tome

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: