RussiaViagens

São Petersburgo-Rússia, dicas, informações e tudo que você precisa saber para planejar sua viagem num roteiro de 3 dias

Você vai perceber porque São Petersburgo é considerada a capital cultural da Rússia já no primeiro dia de visita pela cidade. Edifícios como, The Hermitage, The General Staff Building e outros museus que reúnem verdadeiras obras-primas de pinturas, esculturas e joalheria. É também o lar dos teatros Mariinsky e Mikhailovsky, que abrigam os famosos balés da Rússia.

O verão é uma época fantástica para visitar São Petersburgo, especialmente com o White Nights Festival. É quando nunca fica escuro completamente devido à alta latitude. A cidade inteira parece ter uma celebração contínua por dois meses.

Visto, transporte, dinheiro, comunicação, guia de sobrevivência em São Petersburgo.

Visto – Passaporte brasileiro não precisa de visto. Caso você seja brasileiro como nós,  e tem outra nacionalidade “europeia”, leve o passaporte brasileiro para entrar e sair da Rússia e use o passaporte europeu para entrar na Europa.

Quando visitar – Visitar São Petersburgo no verão deve ser incrível, mas durante o inverno é uma experiência mágica.

O inverno é uma ótima época para visitar São Petersburgo, mas claro, lembre-se de se vestir adequadamente para a ocasião. Algumas épocas do ano as temperaturas podem chegar a -10 a -15 graus Celsius. Quando fomos em dezembro de 2019 para o Natal não chegamos a pegar temperaturas negativas, mas ainda assim estava muito frio, mas vestindo roupas próprias de preferência térmicas, não terão problemas. Nosso look diário eram sempre 2 meias, uma fina e uma  grossa térmica, 2 calças, uma térmica por baixo da jeans, na parte de cima 3 camadas, uma blusa termica, uma de lã e um casaco grosso e botas de preferência forradas.

“Lembre-se que no inverno escurece cedo, portanto, planeje suas atividades ao ar livre entre 10h às 16h. Na época do Natal, a cidade fica linda, cheia de decorações que iluminam as principais ruas e praças, e durante a noite fica ainda mais mágico.

Transporte – É fácil se locomover pela cidade com o transporte público, especialmente o metrô.

Aproveite e faça um tour pelas estações mais bonitas de São Petersburgo.

O metrô de São Petersburgo é um dos mais profundos do mundo. Linha vermelha: Avtovo, a mais magnífica de todas estações de metrô de São Petersburgo, coberto com lustres, com acabamento em vidro e mármore ornamentais, imperdivel a visita. (A propósito, o Guardian o nomeou entre as melhores estações de metrô mais bonitas do mundo), Kirovskiy zavod, Pushkinskaya.

Linha roxa: Bukharestskaya, Obvodny Kanal, Mezhdunarodnaya, Zvenigorodskaya, Admiralteiskaya (a estação de metrô mais profunda da Rússia e a segunda mais profunda do mundo, 102m), Sportivnaya.

Linha laranja: Spasskaya

Comunicação – Se você não fala russo, definitivamente sobreviverá aqui, mesmo com um ingles basico, tente pedir ajuda aos mais jovens. Você terá uma chance maior de encontrar alguem que fale inglês.

O Google translate funciona muito bem do ruído para inglês ou Português, ou vice-versa, usamos muito e dá até pra ter uma conversação básica.

Segurança – A cidade é bastante segura. nos sentimos bastantes seguros la. Mas claro, como em qualquer lugar é necessário ter Precauções normais; preste atenção com pertences pessoais e nos batedores de carteira.

Dinheiro – A moeda é o Rublos, tiramos dinheiro nos caixas eletrônicos, mas a maioria dos lugares (Hoteis, lojas, restaurantes, cafés, metrô etc.) aceitam cartões Visa / Master.

Internet – Wi-fi é bastante comum na cidade, todos os hotéis / maioria dos restaurantes e cafeterias têm acesso Wi-Fi gratuito. Embora, às vezes, para conectar-se ao wi-fi em locais públicos, você precise de um número de telefone local. Outra opção e comprar um Sim Card local, nos compramos da Tele2 por 8 euros, com 40gb de internet.

Vestuário – Existem muitas igrejas / catedrais na cidade, a maioria delas está em funcionamento,  antes de você entrar; para mulheres – cubra a cabeça / para homens – tire o boné / chapéu.

Há várias coisas pra ver e fazer na cidade e aos arredores.

Itinerário de 3 dias em São Petersburgo:

Comece o primeiro dia com um pouco de cultura no State Hermitage Museum e no General Staff Building, aberto todos os dias, exceto segunda-feira. Os ingressos custam 700 rublos, o que dá acesso aos dois edifícios. Se você tiver a sorte de estar em São Petersburgo na primeira quinta-feira do mês, os museus estarão livres para entrar.

Os museus são enormes, isso significa que você pode facilmente passar mais de 3 horas em cada um deles, permitindo quase um dia inteiro para o Hermitage e o Edifício do Estado Maior.

O segredo para vencer as filas é obter seu ingresso no edifício do Estado Maior. É o lar de arte decorativa russa e europeia, pinturas e esculturas, incluindo pinturas impressionistas e pós-impressionistas, por exemplo, obras de Matisse e Picasso.

A maioria das pinturas impressionistas está localizada no terceiro andar.  O museu foi fundado em 1762, quando Catherine, a Grande, adquiriu uma extensa coleção de pinturas de Johann Ernst Gotzkowsky.

O museu possui a maior coleção de pinturas do mundo. Sendo uma coleção tão grande, a obra de arte está espalhada por 6 edifícios; Palácio de Inverno, Pequeno Hermitage, Old Hermitage, New Hermitage, Edifício do Estado Maior e Teatro Hermitage.

São Petersburgo é o lar de várias igrejas e catedrais. Há três que eu recomendo ver no centro; Catedral de Kazan, Catedral de Santo Isaac e Igreja do Salvador do Sangue Derramado. Use roupas respeitáveis ​​ao entrar em igrejas ou catedrais.

A Catedral de Kazan é uma ortodoxa tradicional e é livre para entrar.

Catedral de Kazan

Continue pelo aterro do canal Griboiedov e você encontrará a Igreja do Salvador do Sangue Derramado. O imperador Alexandre II foi ferido fatalmente em março de 1881 neste local e Alexandre III construiu a igreja neste local em homenagem ao seu pai, daí o nome Sangue Derramado.

A 10 minutos a pé fica a Catedral de Santo Isaac, com sua cúpula de ouro brilhante, revestida com ouro puro e que domina o horizonte de São Petersburgo. Não está mais em funcionamento, foi transformada em museu e mirante. São 250 rublos para o museu e 150 rublos para o mirante. Nota: O museu não está aberto na quarta-feira e esteja ciente de que o preço altera o ponto de visualização com base no horário .

Estenda a experiência cultural indo ao balé. Reserve com antecedência, pois os ingressos mais acessíveis esgotam rapidamente. Compre ingressos para o Teatro Mikhailovsky aqui. 

 

Desfrute de um adorável passeio pela Ponte Birzhevoy em direção à Fortaleza de Pedro e Paulo. Apreciando as diferentes vistas do Hermitage e St. Isaac brilhando ao longe. O complexo da fortaleza está aberto para passear. Era a cidadela original de São Petersburgo e, em 1720, foi transformada em guarnição e prisão. Existem muitos museus diferentes dentro; o Museu de História da cidade, museu da cosmonáutica, museu medieval de tortura, etc. Não entramos em nenhum dos museus quando lemos no trip advisor que os museus eram apenas em russo, desistimos.

Termine o dia saboreando uma refeição russa no Singer café com uma vista panorâmica da Catedral Kazan.

 

Catedral Naval de São Nicolau

A Catedral Naval de São Nicolau da Epifania em São Petersburgo é um monumento notável da arquitetura russa de meados do século XVIII, cuja história está inextricavelmente ligada à história e às tradições da frota russa. A catedral preserva sua imagem e interiores históricos há mais de 200 anos. A Catedral Naval de São Nicolau foi construída como uma “igreja regimental marinha” em 1753-1762 no pátio regimental do mar, no local de uma igreja de madeira. Foi projetado pelo arquiteto S. Chevakinsky no estilo do barroco elisabetano. A catedral pode acomodar cerca de 5000 pessoas por vez. Uma torre sineira de quatro camadas destacada, concluída com uma torre alta, foi construída em 1755-1758.

A Catedral de São Nicolau é uma das poucas igrejas em São Petersburgo que nunca foi fechada, e de 1941 a 1999 foi uma igreja da catedral.

 

A uma curta distância de São Petersburgo estão o Palácio de Catarina e o Grande Palácio de Peterhof. Ambos são palácios impressionantes que valem uma viagem de um dia.

Palácio de Catherine e Pavlovsk

Como ir? Tem como ir de metro, mas você levará o dobro do tempo para chegar lá. Eu recomendo pegar um táxi, nos usamos o app Yandex e pagamos 10 euros cada viagem. O Palácio de Catarina e Pavlovsk estão a apenas 10 minutos de carro ”.

Catherine Palace está localizado na cidade de Tsarskoye Selo (Pushkin). O palácio já foi a residência de verão dos czares russos. Agora é um museu, com mais de 300 anos de história e arquitetura de estilo rococó elaboradamente decorada. O palácio é mais famoso por seu estilo barroco e interior neoclássico que exemplifica a riqueza e extravagância russas. Pagamos 700 Rub a entrada, vale a pena gastar umas 3 horas do dia explorando seu interior e os jardins arredores.

Peterhof Grand Palace

O palácio foi fundado por Pedro, o Grande, e é frequentemente chamado de “Versalhes Russos”. Nos jardins do palácio, existem 64 fontes elaboradas e mais de 200 estátuas de bronze, baixos-relevos e outras decorações.

As pessoas visitam principalmente o parque inferior, famoso por sua variedade e diversidade de fontes, sendo a Grand Cascade a mais decadente que vai do Grande Palácio ao Canal da Marinha.

Quando fomos a entrada para os jardins estavam abertas e não entramos dentro do palácio. Na verdade fiquei decepcionada com os jardins no Inverno, as fontes estavam desligadas, então deixei pra voltar numa outra oportunidade durante o verão.

Como chegar a Peterhof Grand Palace

Nós pegamos um Táxi pelo app Yandex para o Peterhof Grand Palace, gastamos 40 minutos e pagamos por volta de 800 Rub ida e 1000 Rub volta.

No entanto, você pode pegar os minibus (marshrutkas) № К-300, К-424, К-424А da estação de metrô Avtovo, que é a opção mais econômica.

Catedral de Kronstadt: um monumento bizantino à marinha russa

Na Rússia, existem inúmeras igrejas dedicadas a São Nicolau, mas nenhuma é tão grande quanto a Catedral Naval de São Nicolau de Kronstadt, consagrada há 100 anos. Localizada na base naval de Kronstadt. A cidade está localizada na Ilha Kotlin desde 1704 e é um dos subúrbios mais bonitos de São Petersburgo. Este fato é confirmado pela UNESCO, que incluiu a parte histórica de Kronstadt e sua principal fortaleza na lista do patrimônio mundial. A enorme catedral foi construída com o apoio pessoal do último czar Nicolau II e consagrada em junho de 1913, durante o 300º aniversário da dinastia Romanov.

Como chegar

Para chegar a Kronstadt a partir de São Petersburgo, pegue o ônibus 101 (estação de metrô Staraya Derevnia) ou o ônibus K-405 (estação de metrô Chiornaya Rechka) e desça na última parada. Outra opção mais rapida e de taxi pelo app Yandex.

Onde Comer bem e barato

“Uma alternativa seria a rede MarketPlace, você encontrará uma delas em frente à Catedral de Kazan, na Nevsky Prospekt . Os restaurantes Brinza também são um local agradável. A especialidade deles é Chebureki, que se assemelha a um bolinho envolto em massa fina e frito ”.

“Dentro do chebureki, geralmente você encontra carne ou queijo picado, mas eles têm muitas versões diferentes, então você certamente encontrará algo que gosta”.

 

 

Mirelle Tome

Autora Mirelle Tome

Mais posts de Mirelle Tome

Deixe uma reposta

Close
%d blogueiros gostam disto: