10 dicas para comprar passagens aéreas mais baratas

By 25 de setembro de 2015Tópicos recentes

Muitas pessoas me perguntam onde compro passagens baratas, já escrevi vários posts dando dicas de como viajar muito e gastar pouco, mas resolvi escrever esse mais detalhado e com mais dicas.

Planejar uma viagem não é tarefa fácil, e é necessário bastante determinação para pesquisar. Na maioria dos casos a passagem aérea vai ser um dos maiores custos que você vai ter em toda a sua viagem. Sendo assim, passar um bom tempo pesquisando passagens antes da sua viagem vai assegurar que você faça um bom negócio e use a economia que você obteve na compra da passagem para viajar mais e melhor.

Primeiro passo – Pesquise, pesquise e pesquise.

Como eu disse anteriormente, determinação para  pesquisar e o quanto mais você pesquisar, mais fácil será para achar a melhores passagens. No entanto, sabemos que é muito chato ficar testando 1 milhão de variáveis em diversos sites diferentes, mas é assim que você conseguirá economizar uma boa grana! A melhor maneira é utilizar os sites de comparação de preços.

Vale a pena entrar em vários sites, já que as companhias têm acordos diferentes com cada um deles. Alguns dos sites, por exemplo, incluem tarifas de companhias de baixo custo.
Além disso, você pode filtrar os resultados mais convenientes para sua viagem.

Skyscanner – Agora, se você tiver um espírito mais aventureiro e topar viajar para onde houver uma oferta, em sites como o skyscanner pode-se colocar como destino “qualquer lugar” e encontrar voos a todos os países.
Uma vez que você encontrar a tarifa mais em conta, não custa checar o valor disponível no site da companhia aérea também.

Kayak– Trata-se de uma empresa de tecnologia que cria ferramentas que simplificam o processo de busca de viagens on-line.
O buscador de passagens Kayak entre os líderes do mercado americano, no Brasil ainda está conquistando o seu espaço, sendo mais conhecido entre os já viajantes.

Os preços encontrados nas minhas buscas foram os mesmos de outros muitos sites para os mesmos destinos e datas, portanto, razoáveis.

Farecompare Um ferramente interessante do farecompare e do skyscanner é ativar alertas de tarifas para quando os preços caírem de uma trecho em que você tem interesse.

Momondo Já no momondo, a ferramenta “previsão de voo” é útil para te dar detalhes de uma rota específica. Por exemplo: fazendo uma busca de voos de Londres para o Dubai, essa opção mostra em que dias da semana é mais barato viajar ou até em que semanas do ano as tarifas são mais baixas.

Expedia Famosa agência on-line americana, talvez a mais popular no mundo. Com relação ao manuseio do site e variedade de opções, na minha opinião tem outros que são melhores! A ideia de “venda casada” fica bem evidente, pois o site não tem um nicho definido (voos, ou hotéis, ou pacotes, etc). O expedia foi uma das primeiras agências on-line de viagens a desenvolver aplicativos para celulares e tablets. Encontrei nesse site preços mais altos nas mesmas buscas que fiz nos outros sites, então mesmo com toda a popularidade, este não deve ser o único a pesquisar uma viagem, pois provavelmente ainda existe chance de encontrar passagens mais baratas em outros sites.

Decolar O decolar.com tem crescido e está se tornando um dos buscadores mais populares no Brasil. Apesar de o foco ser buscas de passagens aéreas (afinal o nome é “decolar”!), o site tem investido muito em hospedagens também (o slogam é: “mais de 150 mil hotéis em um só lugar”). A busca é fácil, o site é todo em português e bem intuitivo. Você pode ver detalhes sobre os voos de forma clara, após uma busca aparecem todas as opções de cias aéreas, como tipo de assento, valores e qual é o melhor negócio (dentre as opções existentes nesse site específico, claro!)

Google flight o meu favorito do momento, comprei minha passagem para Dubai através dele.

Se você quer viajar, mas ainda não sabe exatamente para onde, use o mapa do Google Flight. Ele mostra os voos mais baratos para cada país de acordo com a sua localização, e basta um movimento do mouse sobre os pontos em vermelho para obter mais informações e comprar passagens.
Ao realizar uma busca, sempre haverá um conjunto de voos pré-selecionados para você no topo da página de resultados. O Google escolhe o melhor custo-benefício em uma combinação de preço e número de escalas. Assim, a ideia é que um usuário apressado consiga comprar passagens em poucos cliques.
Se você tem flexibilidade de data para viajar, vale olhar os melhores preços para o destino selecionado diretamente no calendário. Assim, você poderá ter certeza de que está comprando as passagens mais baratas possíveis de acordo com sua necessidade. Mesmo que você insira uma data fechada na busca por voos, o Google Flight irá sugerir, sempre que possível, uma mudança de saída ou chegada para você economizar mais. Essas sugestões, quando disponíveis, ficam em banners no meio das opções de voos para não passarem despercebidas.Em uma busca de voos, os preços podem estar altos demais, mas não significa que eles não terão reajuste em breve. Para isso, faça uma busca escolhendo voo de saída e chegada e salve o itinerário nos favoritos para fazer o Google monitorar preços para você. Assim, bastará um clique na sua lista de voos salvos para ver se os valores mudaram, o que costuma acontecer em períodos de promoção. Busque por voos múltiplos
Use a abuse dos filtros disponíveis. Você pode categorizar os voos número de paradas, horário, duração, companhia aérea e estipular um limite de preço. Além disso, é possível ainda escolher exatamente o aeroporto que você deseja fazer uma conexão em casos mais específicos.
É possível também usar o Google Flight para ajudar em viagens longas, onde há vários destinos e pontos de partida. Isso porque ele permite fazer buscas de até cinco voos simultâneos, exibindo os preços em uma mesma página de resultados, reunindo os custos. A funcionalidade também é útil para quem precisa fazer reserva de voo no trabalho para mais de uma pessoa.

turismo-viagens

2° – Comprar as passagens com antecedência

Antecipação é essencial para encontrar os melhores preços! Eu sei que é quase impossível planejar uma viagem com meses de antecedência e acima de tudo, comprar a passagem sem saber ainda todos os detalhes do roteiro, hospedagem, etc. Mas se você para pensar, geralmente a passagem é o custo mais caro da sua viagem. Então, uma vez decidida essa questão, você verá o quanto mais fácil será avançar com o planejamento do resto da viagem. E em questão de poucas semanas, o preço poderá variar muito! 3 ou 2 meses de antecedência, para conseguir preços bons.

3° – Seja flexível com as datas e horários

Ter flexibilidade de datas também é importante: às vezes, adiar a volta em um dia sai mais barato do que pagar pelo valor de uma passagem no domingo, por exemplo. Provavelmente você já tenha percebido, mas nunca é demais repetir: viajar durante a semana é mais barato.
A sexta-feira e o domingo são os dias mais escolhidos pelas pessoas que viajam a negócios e também para turistas que querem aproveitar o fim de semana. Assim, é mais provável encontrar uma boa oferta na terça ou na quarta-feira. Segundo um comunicado da Airlines Reporting Corporation, publicado em novembro de 2014, o melhor dia para se comprar uma passagem aérea é a terça-feira. A data também é sugerida por vários blogueiros e especialistas em viagens.
As explicações para isso variam, mas, em geral, esse é o momento em que as companhias aéreas lançam suas ofertas de passagens restantes, para tentar obter a ocupação máximo em seus voos.
Monitorar durante vários dias, em horários distintos, ajuda bastante a assumir um risco calculado na hora da compra.

4° – Limpe os cookies de seu computador e troque de navegador

Ainda que a BBC não tenha conseguido verificar essa informação de maneira independentes, há relatos de que algumas companhias aéreas usem informações providas por cookies para monitorar sua navegação e aumentar os preços de um voo se souber que você está interessado.
Isso explicaria porque, algumas vezes, quando você volta meia hora depois para comprar uma passagem, encontra um valor mais alto.
Por outro lado, a jornalista Erica Ho, que trabalhava para a revista Time em Hong Kong, comprovou que os preços das mesmas rotas variavam de maneira exorbitante dependendo do país em que se acessava o site da companhia aérea.
Há muitas estratégias para testar isso: uma opção é apagar as cookies antes de pagar a passagem ou utilizar outro navegador para fazer a mesma busca.
Uma outra dica sugerida por Erica é, no site de compras, trocar a sua localização e o idioma. Se estiver no Brasil, escolha um país diferente e não selecione o português.

5° – Faça um Stopover
O stopover é quando o passageiro faz voluntariamente uma escala ou conexão com duração maior que 24hrs(em voos internacionais) e maior que 4 horas em voos domésticos) antes do destino final, sem custos adicionais. Ou seja, você aproveita a passagem com destino a uma determinada cidade para conhecer outra, fazendo uma parada programada entre voos.

6° – Viaje de madrugada

Chamados também de voos “corujão”, os voos da madrugada oferecem descontos realmente relevantes aos seus passageiros. Porém, é importante não confundir: entrar na internet após a meia-noite e adquirir as passagens aéreas em promoção durante a madrugada não é realmente garantia de descontos. O que é vantajoso de fato é adquirir, a qualquer momento do dia, as suas passagens para voos que partam do aeroporto, ou seja, que façam a decolagem nas madrugadas. Apesar de parecer uma explicação simples, ela é importante para que você realmente economize!

Os voos da madrugada são tranquilos, silenciosos, e dependendo do tamanho do trecho, você consegue descansar e ficar pronto para o momento do desembarque, sem cansaço.

7°- Quanto mais escalas, mais barato fica!

Voos diretos são a melhor coisa que existe! Mais conforto, menos chances de extraviar a mala, menos dor de cabeça… no entanto, são os voos de 27h no total com 3 escalas que terão os melhores preços. Daí é com você! Eu te aconselho a botar na balança o tempo que você vai perder da sua viagem mais o estresse das escalas, e no final, você verá se vale a pena ou não o esforço financeiro.

8°- Viaje com cias aéreas low cost

Na Europa as melhores cias Low Cost são EasyJet e Ryanair. Você pode encontrar facilmente passagem entre 20 à 50 euros. No entanto, tome cuidado se estiver viajando com grandes bagagens, pois deve pagar taxas extras por volta de 40 euros. E em geral, o check-in deve ser feito online 48h antes do voo e o boarding pass deve ser impresso. Enfim, é só se organizar que não tem erro!

9°- Voe durante a baixa e média estação

Obviamente comprar passagens em média ou baixa estação é invariavelmente mais barato do que na alta estação.

Você pode conferir na internet quais são as datas de alta estação para o seu destino. Mas como ideia geral, é só verificar quando é o período de férias escolares.

10°- Passagens aéreas para estudantes

Se você é estudante, pode conseguir tarifas especiais para os seus voos.

Um bom site para pesquisar e comprar passagens de estudante é o site da STA Travel (Student Travel Agency). Você pode comprar o bilhete direto com eles pela internet, porém, atenção às regras. Você terá que provar na hora do check-in que você é um estudante.

Mirelle Tome

Author Mirelle Tome

More posts by Mirelle Tome

Join the discussion 4 Comments

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: