Tag

viagem de carro pela italia

sardenha

Roteiro completo de 7 dias pela Sardenha

By | Tópicos recentes | No Comments

Procurando um destino paradisíaco que é facilmente acessível da Europa? Não procure mais, a Sardenha é o destino ideal. Localizada a oeste da Itália, Sardenha é uma  ilha paradisíaca famosa por suas praias intocadas e perfeitas, com águas azul-turquesa cristalinas, montanhas de tirar o fôlego e cidades encantadoras. Aqui está o itinerário da minha viagem de 7 dias, que te ajudará a explorar as mais belas praias da Sardenha  e as melhores cidades para ficar na Sardenha, assim você estará perto das melhores praias do norte, leste e sudeste da ilha.

Sardenha

A Sardenha me surpreendeu com suas praias de águas cristalinas de azul turquesa, ficamos 7 dias na ilha e não vimos nem a metade do que a Sardenha tem a oferecer.

Estabelecemos o nosso roteiro para conhecer as praias perto de Olbia, Cala Gonone, Alghero, Stintino e Arquipelago La Maddalena.

roteiro de 7 dias pela sardenha

Praias mais bonitas da Sardenha: itinerário de 7 dias

A Sardenha é uma ilha muito grande, e para explora-lá de norte a Sul, seria necessário pelo menos 15 dias, por esta razão optamos por não conhecer a região sul dessa vez, e mesmo assim, achei 7 dias pouco, teria ficado mais se pudesse, pelo menos uns 2 dias a mais pra fazer esse roteiro. Outra coisa que tem que levar em conta são as distâncias de uma praia para outra, em alguns trechos dirigimos até 2 horas, isso significa que não da pra comprar aqueles pacotes all inclusive e também querer visitar as praias mais longe no mesmo dia, o melhor é ir se deslocando de um hotel para outro. Para alguns dormir cada dia num lugar diferente parece muito inconfortável, mas honestamente, para nós foi super tranquilo e ainda ficamos perto das praias mais bonitas da Sardenha.
Aqui está um resumo da viagem de 7 dias pela Sardenha, tecnicamente nós ficamos por lá 6 noites, mas 7 dias inteiros.

roteiro 7 dias pela sardenha

A ilha conta com 3 aeroportos, eles estão nas cidades de Alghero, Olbia e Cagliari.

Chegamos na Sardenha pelo aeroporto de Alghero de manhã, e fomos até Olbia pegar nosso carro alugado. Mas porque  não alugamos em Alghero se chegamos na ilha por lá?

Quando comprei os bilhetes de avião (Londres- Alghero, Olbia Londres) não sabia que ao reservar o carro num aeroporto e devolver em outro, tinhamos que pagar uma taxa de 100€ a mais para a empresa, então resolvemos alugar no aeroporto de Olbia, de onde sairia nosso voo de volta, assim ficaríamos livres da taxa. De Alghero para Olbia pegamos um ônibus até Sassari e depois um trem até Olbia, tudo ficou 20€ para os 2.

sardenha

Hoje depois dessa experiência eu compraria ida e volta por Olbia, por 2 motivos: Primeiro: O aluguel do carro, como expliquei sobre a taxa; segundo: as praias mais bonitas estão na região de Olbia; não gostei de Alghero, achei as praias menos interessantes e sujas ( de algas) mais na frente você vai perceber que tenho razão.

PROVÍNCIA DE OLBIA (NORTE): PRAIAS DE SAN TEODORO E A COSTA SMERALDA

sardenha

Começamos nossa viagem por Olbia e fomos descendo rumo a Cala Gonone, a vantagem de se hospedar em Olbia é que você estará bem próximo das praias da Costa esmeralda e San Teodoro.

De San Teodoro, você está a uma curta distância de varias praias deslumbrantes: como Capo Coda CavalloCala Brandinchi e Lu Impostu . Da pra visitar todas na metade de um dia, pois estão bem próximas uma da outra uma da outra, pra quem quiser passar muitas horas nessas praias preparem o bolso, paga-se uma taxa de 1,50€ por hora por carro, funciona tipo aqueles estacionamentos privados, que você pega o ticket na entrada e paga na saída.

sardenha

Cala Brandinchi também é conhecido como o “Little Tahiti” por causa de suas águas azul-turquesa muito rasas, parece uma grande piscina natural. Ao contrário das praias escondidas do Golfo di Orosei que são acessíveis apenas por barco, estas são facilmente acessíveis de carro e muito maiores em extensão de areia, também muito populares entre as famílias com crianças, devido às águas rasas. Os melhores momentos para visitar estas praias são à tarde, por volta das 3-4h da tarde, quando o sol está mais baixo, realçando as cores verdadeiramente estonteantes da água.

Em Capo coda Cavallo é possivel alugar um gomone (barco) e conhecer algumas ilhas como, Isola Molara, Isola Tavolara, Isola Piana, Isolotto Rosso e Cala Girgolu. Não fizemos esse passeio porque achei o preço do aluguel do barco muito caro de 150-250 euros e já tínhamos planos de alugar em Cala Gonone e em Palau para visitar o arquipélago de Maddalena. Mas pelas fotos deu muita vontade de fazer esse passeio, os lugares parecem paradisíacos pelas fotos.

capo coda cavallo boat trips

Costa Smeralda é um dos lugares mais simbólicos do verão da Sardenha, por causa de suas cidades pequenas e menos populares também. O ponto de encontro entre belezas naturais e uma vida noturna animada todos os anos por muitas celebridades do mundo, aqui você pode encontrar cidades encantadoras como Porto Cervo , um destino de férias preferido por turistas ricos de todo o mundo.

Porto Cervo, o coração da Costa Esmeralda, é um paraíso onde glamour, luxo e vida noturna se encontram com lindas praias e um mar cor esmeralda.

Porto Cervo, na aldeia de Arzachena, é o símbolo das férias de luxo na Sardenha. Entre julho e agosto, a praça de Porto Cervo, as boutiques de moda e, acima de tudo, os iates e barcos a vela abrigam celebridades e VIPs, enchendo os jornais de fofocas de verão.

Porto Cervo também está cheio de discotecas exclusivas. A sua proximidade a Baja Sardinia e Porto Rotondo fazem deste um ponto de partida ideal para as suas férias na Costa Esmeralda.

Porto Cervo Marina é também um dos maiores portos turísticos do Mar Mediterrâneo.

PRAIAS DE GOLFO DI OROSEI (LESTE)

Seguimos então para um dos dos lugares mais esperados da viagem “Cala Gonone”. Aqui hospedamos num hotel de frente para o mar, Hotel Ristorante La Conchiglia, o hotel é super charmoso e oferece um café da manhã caprichado.

Alugamos nosso próprio barco (80€ + 25€ gasolina) por um dia inteiro a partir do porto de Cala Gonone e exploramos as belas praias do Golfo di Orosei, incluindo as famosas Cala Goloritze, Cala Marioulu, Cala Sisine  e outras belas praias menores e de tirar o fôlego. O que é surpreendente nessas praias é que você não pode acessá-las com um carro. Para chegar à maioria delas você terá que fazer uma trilha de pode durar até 2 horas, comprar um passeio turístico ou alugar um barco de Cala Gonone e fazer por conta própria como fizemos.

Estas praias são definitivamente as praias mais bonitas da Sardenha, na parte oriental da ilha. Muitas pessoas dizem que Cala Goloritze é a praia mais bonita da ilha e eles podem estar certos. As dramáticas falésias e o mar de águas cristalias do Golfo di Orosei fazem deste um destino verdadeiramente extraordinário.

Você pode ler mais sobre esse passeio neste link abaixo:

Passeio de barco pelas praias paradisíacas do  Golfo di Orosei – Sardenha

Nossa terceira noite na Sardenha hospedamos no Santa Maria Resort, perto da cidade de Orosei, que apesar de ser um resort, o preço é super em conta, o resort também oferece um café da manhã farto e uma grande piscina para os os hospedes poderem relaxar.

Stintino – praia La Pelosa

Lembra quando eu disse que não gostei das praias de Alghero? Então, com exceção a La Pelosa que simplesmente me surpreendeu com seu incrível mar azul e cristalino. São 45min de carro apenas de Alghero, aqui dormimos num hotel fazenda Agriturismo la Tankitta, além do preço super em conta, o hotel esta numa área super tranquila e serve um delicioso café da manhã com produtos frescos e tudo feito por eles mesmo.

Spiaggia la Pelosa ), com suas águas rasas de azul turquesa e areias brancas, é um verdadeiro oásis da Sardenha e sem dúvida uma das melhores praias da Europa. La Pelosa fica à apenas 2 km da vila portuária de Stintino, em Capo Falcone, na província de Sassari. A praia tem 300 metros de comprimento – e até 60 metros de largura em alguns pontos – e fica de frente para o nordeste, oferecendo uma vista maravilhosa da Isola Piana, situada a 600 metros da costa e da maior Isola Asinara atrás dela. A praia de La Pelosa é acompanhada por uma antiga torre de vigia do século XVI, a Torre della Pelosa, que costumava fazer parte do sistema de defesa marítima da Sardenha. Uma vez que esta é uma área de mergulho popular, existem dois centros de mergulho nas proximidades: o Centro de Mergulho Asinara e o Centro de Mergulho Roccaruja. Ambos oferecem excursões de mergulho na área de Capo Falcone. Há Pranchas de surf e canoas para alugar no Centro de Windsurf de Stintino. A praia pode ficar lotada durante a alta temporada em julho e agosto, mas se você se encontra na área de Sassari ou Porto Torres, a praia de La Pelosa é definitivamente vale a pena uma visita.

 

Para muitos europeus, La Pelosa é uma oportunidade maravilhosa para experimentar uma praia de estilo caribenho por um baixo custo.

Castelsardo, uma autêntica cidade medieval no norte da Sardenha

Um lugar realmente lindo que vale uma visita!

O castelo está localizado no centro histórico de Castelsardo, o castelo é uma das atrações mais populares da região. A cidade velha é repleta de pequenas ruas pavimentadas características, lojas, restaurantes, artesãos locais e escadas curtas e inesperadas que oferecem, de vez em quando, vistas sobre o mar azul espreitando.

Do castelo, a vista sobre a costa e o golfo de Asinara (em homenagem à ilha chamada de “ilha do diabo” e agora uma área natural protegida) é simplesmente lindo. Em um dia claro, pode-se até ver a ilha da Córsega.

Além do castelo, vale a pena visitar a Catedral de Santo Antônio, o Abade, a principal igreja de Castelsardo. Ele está localizado em uma posição encantadora com vista para o mar e é bem conhecido por sua alta torre sineira, que cúpula é decorada com majólica colorida. Não se pode deixar de visitar o subterrâneo da igreja, transformado de um par de anos em um museu diocesano.

Ao longo da estrada provincial para Sedini, a poucos quilômetros de Castelsardo, não perca a Rocha do Elefante (La Roccia dell’Elefante). Um verdadeiro símbolo da cidade, esta rocha foi moldada na sua forma atual pelos fortes ventos que sopram na ilha. Muitos turistas gostam de tirar uma foto com o grande elefante que tem cerca de 3 metros de altura.

Visitei Castelsardo numa parada entre Stintino e Isola Rossa!

Isola Rossa, uma antiga vila de pescadores

Isola Rossa está localizada na região de Gallura, no município de Trinità D’Agultu e Vignola, na costa noroeste da Sardenha, em frente ao Golfo de Asinara.

Um local calmo e sem muitos turistas, mas tão interessante quanto os destinos turísticos mais famosos da ilha.

A pequena cidade conta com uma torre espanhola que data dos anos 1500, localizada perto do porto e das casas na parte mais alta da cidade.

Sua posição estratégica entre Costa Paradiso e Castelsardo, Isola Rossa é um oásis de paz onde tudo parece caminhar bem devagar, achei ótimo passar o dia aqui , dormimos no A.I.R. Isola Rossa Borgo di Mare, num apartamento enorme, com sala e cozinha, ótima opção pra quem viaja com a família e quer economizar.

Não deixe de passear ao longo do porto turístico e, claro, visitar as praias próximas, como Longa Beach, até a praia de Marinedda. o pôr do sol aqui é maravilhoso.

Santa Teresa Gallura, praia de Rena Bianca e Capo Testa

Santa Teresa Gallura, praia de Rena Bianca e Capo Testa

Santa Teresa di Gallura e Capo Testa estão situados na ponta mais ao norte da ilha, desfrutando de uma vista maravilhosa sobre o Estreito de Bonifácio para a ilha da Córsega. Me surpreendi com a belas praias de água azul-turquesa, ideal para nadar e mergulhar, e pelas fascinantes formações rochosas esculpidas pelo vento no promontório e no Vale da Lua. A cidade oferece uma boa estrutura, com lojas e restaurantes e hotéis. A partir do porto, há passeios diários de barco para a ilha de Córsega.

A praia da cidade de Rena Bianca é adorável.

Spiaggia Rena Bianca ) é a principal praia de Santa Teresa Gallura . Tem uma extensão de cerca de 200 metros e está virada a norte, oferecendo vistas da pequena Isola Municca a noroeste, das falésias brancas na costa da Córsega a norte e da Torre di Longonsardo a leste. A infraestrutura da praia é muito boa: com muitas espreguiçadeiras, guarda-sóis, pedalinhos e canoas estão disponíveis para alugar. Há um bar nas proximidades na colina que serve lanches e bebidas. É uma praia muito boa para famílias com crianças, pois a água aqui permanece rasa por vários metros, e a praia é protegida dos ventos Mistral. Você encontrará alguns bons pontos de mergulho ao redor das rochas.

ARQUIPÉLAGO DI MADDALENA

arquipélago la maddalena sardenha

Seguimos para a cidade de Palau (1 hora de carro). Do porto de Palau, alugamos um barco, mas dessa vez com motorista (170 €) para o dia inteiro, para percorrer o famoso arquipélago de Maddalena . O arquipélago é um grupo de pequenas ilhas, sendo a maior delas a Madalena. Apenas La Maddalena, Caprera e S. Stefano são habitadas, o resto é completamente selvagem. Este grupo de ilhas são famosas por ter algumas praias escondidas de tira o fôlego e fomos capazes de confirmar isso. Passamos o dia explorando as praias mais bonitas do arquipélago, entre as que mais gostei está a ilha de Spargi. 

Palau é um lugar perfeito para uma viagem de um dia em um barco no norte da Sardenha e pelas ilhas maravilhosas do arquipélago Maddalena  , como Caprera, Spargi, Santa Maria, Budelli e Razzoli. O nosso motorista fez questão de nos levar nas baías mais isoladas. O mar aqui é incrivelmente lindo, com tons de azul e verde e com areia branca, é como se tivesse sido transportada instantaneamente para um paraíso caribenho.

Houve alguns lugares em que estávamos completamente sozinhos!

Hospedamos no AHR Costa Serena Village, adoramos o lugar e o preço, o hotel fica a 4 minutos a pé da praia. Imerso na região de Gallura, com as suas praias de areia e com vista para uma lagoa, o Costa Serena Village dispõe de uma piscina, um restaurante mediterrânico e estacionamento gratuito. O acesso Wi-Fi é gratuito em todas as áreas.

Passeio de barco pelas praias paradisíacas do  Golfo di Orosei – Sardenha

By | Tópicos recentes | No Comments

O Golfo Di Orosei é o litoral mais selvagem e impressionante da Sardenha. As praias de areia branca das pequenas enseadas ao longo do golfo são comparadas com as das ilhas tropicais caribenhas ( só que de águas geladas). Esta parte da ilha é um destino perfeito para aqueles que desejam apreciar a beleza exótica de um ambiente natural intocável.

Read More

Um passeio inesquecível pelo Lago di Como (Lombardia – Itália)

By | Tópicos recentes | No Comments

lago di como

 

Lago di Como (ou Lario), está localizado cerca de 50 quilômetros de Milão entre as províncias de Como e Lecco, e é o terceiro lago italiano por extensão, depois do Lago Garda e do Lago Maggiore e o mais profundo de todos (410 metros ).

O lago, é um dos mais importantes na Lombardia, e tem uma forma característica de “Y” invertido e está dividido em três ramos: o Como sudoeste, sudeste de Lecco e Colico norte.
Em ambos os lados você pode desfrutar de vistas fascinantes das vilas pitorescas.  As casas em volta do Lago são surreais de lindas. Fiquei chocada com a beleza e tamanho das propriedades. Várias celebridades de hollywood escolheram as margens do Lago di Como para terem suas propriedades, como George Clooney e o dono da Virgin.

bellagio-mappa2

Lago di Como é muito original com uma linda paisagem natural- glacial, com vários braços que vão profundamente em áreas montanhosas. O que mais se destaca nesse lago, além de sua beleza natural, são as pequenas vilas que ficam em volta dele! E um passeio imperdível e obrigatório é, fazer um dos passeios de barco no lago! Compramos o bilhete do dia que você pode ir descendo em cada parada.

Entre elas visitamos Bellagio, Varenna, Lecco, Cadenabbia, Menaggio, Tremezzo e Lenno

Nosso ponto de partida foi Varenna e o preço em março de 2015 foi de 15 euros. Você pode comprar ingressos no Navigazioni Lago di Como (bilheteiras no  local de embarque e desembarques de passageiros.

 

IMG_8792 IMG_8675 IMG_8669 IMG_8663

Os barcos partem de várias cidades das margens do Lago e percorrem em sentido longitudinal, indo de uma paragem à outra, parando nas diversas estações de cada vila que vão passando. Consulte o site do Lake como oficial e verifique os horários.

Os barcos públicos percorrem as 40 cidadezinhas ao redor do lago e o preço das passagens varia de acordo com o trajeto escolhido e da época do ano. Os destinos sugeridos são as ilhas Comacina, Bellagio, Laglio, Tremezzo e Varenna.

Fique atento à rota e aos horários dos barcos, embora saiam do mesmo local, os destinos e a duração dos passeios variam.

O preço dos bilhetes e o horário dos barcos mudam de acordo com a época do ano.
Dica: se você quiser visitar mais de uma cidade, compre o bilhete de circulação livre (biglietto di libera circolazione), que custa por volta dos € 25,8, é válido por todo o dia e o número de viagens é ilimitado.

 

Varenna

lago di como IMG_8818 IMG_8817 IMG_8801IMG_8821 IMG_8814  IMG_8805 IMG_8815

 

Varenna nasceu como uma vila de pescadores, e assim foi nomeado o ano 769. Desde então, parece que o seu charme foi congelado. De frente para a cidade vizinha de Bellagio, Varenna tem ruas íngremes, escadas intermináveis que sobem as montanhas, casas de pescadores antigos, moradias com jardins, praias pequenas e rochosas.

 

Bellagio

bellagio-lago-di-como IMG_8751 IMG_8767 IMG_8757 IMG_8769 IMG_8677

Bellagio é a mais bela cidade às margens do Lago di Como, considerada a pérola do Lago . Ela está localizada no ponto onde dois dos braços inferiores do lago se juntam. Bellagio é uma cidade imponente com casas de fachadas em tons pastel que fazem paisagens de cartão postal para esta região da Itália. A cidade está cheia de ruas íngremes, varandas floridas e vista para o lago!

Menaggio

lago di como

Menaggio é outra das aldeias convidativas no Lago di Como. Ela tem cerca de 3.000 habitantes, numerosos hotéis e pousadas, sempre com vista entre o lago e as montanhas. Ela está localizado na área central lago.

 

Lecco

Uma vez na cidade de Lecco o visitante tem muito para descobrir. Um dos lugares mais importantes é Villa Manzoni, residência de verão do escritor Alessandro Manzoni, agora um museu da cidade que abriga documentos e obras do autor, bem como uma importante colecção de arte contemporânea.
Outras atrações especiais na cidade são a Torre Viscontea, último remanescente do castelo Visconti di Monza, demolida no século XIX; O neoclássico Teatro della Società promovida por Giuseppe Bovara que abriu em 1844; e da Basílica de San Nicolò, padroeiro da cidade, construído em torno do século VII, embora a sua fachada sofreu várias modificações. Além disso, o Palácio Belgiojoso, a partir do final do século XVII, abriga desde 1928 vários museus, como o Museu Arqueológico, o Museu de História Natural que coleta de coleções de arte contemporânea na história do território de Lecco.

IMG_8798 IMG_8679

Tremezzo

Essa pequena vila é conhecida pela vista central do lago e pela magnífica Villa Carlotta, um dos palácios mais visitados da região.

IMG_8738 IMG_8736 IMG_8729 IMG_8795 IMG_8725  IMG_8720 IMG_8719 IMG_8717 IMG_8712 IMG_8742

 


Cadenabbia

Cadenabbia faz parte da cidade de em Griante frente para o Lago Como. A origem do nome deriva do “Ca ‘dei Nauli”, que significa ‘Casa dos barqueiros’. Diz-se que em tempos antigos havia uma taberna onde os barqueiros (Nauli) usava para parar seus barcos de fundo chato para uma parada de descanso. A Taberna tornou-se o primeiro hotel da região no início de 1800. Por um longo tempo Cadenabbia foi um dos destinos favoritos dos ingleses, que construíram uma Igreja Anglicana consagrada em 1891, foi a primeira Igreja Anglicana na Itália.

 

IMG_8789 IMG_8648 IMG_8786 IMG_8682

 Lenno

Lenno fica a 27 km ao norte de Como e tem uma posição privilegiada – ao longo da faixa costeira conhecido como Tremezzina – rodeado por uma vegetação exuberante e lavadas por água calma.

Lenno é menos lotada do que as outras aldeias ao redor do lago, e definitivamente é um belo destino para  relaxar!

Em Lenno está a suntuosa Villa del Balbianello, uma das maiores casas no lago, famosa por seus jardins e por ser o cenário de uma das cenas mais memoráveis do filme de todos os tempos. George Lucas escolheu esta cidade para filmar Episode II do Star War – O Ataque dos Clones (2002).

A pequena cidade é simplesmente perfeita para uma caminhada, um café ou uma refeição em um dos restaurantes de frente para o lago …  Romântico não?!

 

Brienno

lago di como

Brienno é outro exemplo de estilo italiano adaptado para a beleza natural do Lago di Como. Ele tem pouco mais de 400 habitantes, mas o que é pequeno é complementado com o charme de sua configuração, localizado na encosta de uma montanha que cai dentro do lago. É cerca de 10 quilômetros da cidade de Como.

Nesso

lago di como

Nesso é uma pequena aldeia que é notável por sua localização, ligado a uma queda de água em um terreno íngreme em que aparece pendurado. Na verdade, ele está na boca de um córrego que cai para Lago di Como em uma cascata, enquanto uma ponte romana liga as duas margens do rio.

 

  • Qual é a melhor época para visitar o lago de Como: Final de março ao final outubro, ou seja, primavera, verão e começo do outono.

 

  • Como chegar ao Lago Como: os principais pontos para chegar ao lago são Milão e Bergamo (rodoviários e ferroviários). Há também boas ligações ao norte do lago pela Suíça da passagem Splügen, ou a partir de St. Moritz.

 

  • Como visitar o lago: Ao longo da costa através de suas estradas (embora a paisagem sinuosa não favorecem alta velocidade), ou de barco, existem linhas de ferry que ligam grandes cidades costeiras turísticas, especialmente na temporada de verão. você também pode alugar barcos para passeios (sem a necessidade de licenças).

 

 

Não esqueçam de seguir também no:

maxresdefault        youtube-logo-vector                    h0fvargheeyaybm4oyyt

Close